09/05/2019 11h23

Em duas horas, enorme 'cratera' causa danos em seis veículos na BR-262, a 17 km de Água Clara

 

Uma das vítimas fotografou o enorme buraco na rodovia e publicou na rede social


Divulgação

De acordo com o registro feito em rede social, a enorme ‘cratera’ se encontra há 17 km de Água Clara, sentido Três LagoasDe acordo com o registro feito em rede social, a enorme ‘cratera’ se encontra há 17 km de Água Clara, sentido Três Lagoas

Thaiz Pereira Silva Scadovelli fez o registro na noite desta terça-feira (07) de um enorme buraco no asfalto da BR-262, a considerada ‘rodovia da morte’, no trecho entre Água Clara/Três Lagoas, e causou segundo ela, prejuízos em sete veículos com estouro de pneus e perca de rodas.

De acordo com o registro feito em rede social, a enorme ‘cratera’ se encontra há 17 km de Água Clara, sentido Três Lagoas. Thaiz comentou que teve que esperar duas horas para ser socorrida, pois o problema em seu veículo foi grave e com isso acabou presenciando mais seis carros sendo danificados ao passarem pelo buraco.

"Talvez se tivéssemos ficado mais, o número seria maior. Não culpo autoridades, pois talvez nem passam por ali, já que utilizam mais ‘ponte áreas do que estrada’ ou ainda talvez possuem suas Amarok, Hilux, 4x4 e viajam com mais tranquilidade, mas se tiver algum ser abençoado que tenha carinho por Água Clara e região, vamos brigar mais pela melhoria dessa rodovia, ou tentar pelo menos implantar sinal de internet para que possamos acionar nossos seguros na chamada de um guincho ou ambulância, caso o acidente for mais grave", cobrou Thaiz em sua publicação no Facebook.

"É tamanho descaso, é tamanha revolta de ver nosso dinheiro, nosso Ipva, IPTU não refletir em benefício nenhum. Já deu já né?", finalizou mais uma vítima que teve danos em seu veículo na ‘rodovia da morte’.

A BR-262 possui vários trechos esburacados e com ondulações, além de sinalização precária, especialmente no trecho de 130 quilômetros entre Três Lagoas e Água Clara. A restauração da rodovia foi retomada na semana passada, após mais de seis meses. Uma equipe do Consórcio Ethos/Pavidez/Spazio reiniciou as obras, que foram paralisadas por falta de recursos. O Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes) nega que a obra tenha sido paralisada, e que apenas sofreu uma diminuição de ritmo no período.

 

Água Clara MS

Envie seu Comentário