12/06/2018 10h17

Cabeleireiro é preso em Água Clara com pistola automática proibida

 

Ele disse à polícia que recebia ameaças de morte porque matou uma pessoa, em Três Lagoas, há sete anos


Por: JPNews

DivulgaçãoDivulgação

Um cabeleireiro de 28 anos foi preso em flagrante por porte de arma de uso restrito e contrabando de munição, no centro de Água Clara, no início da tarde desta segunda-feira (11). Ele foi detido por policiais civis e militares, no momento em que abria o comércio, após denúncia anônima.

O cabeleireiro disse à polícia que tinha a pistola automática para se proteger, porque matou uma pessoa, Três Lagoas, há sete anos, e temia represálias. De acordo com o Delegado Marcílio Ferreira Leite, da Delegacia de Polícia de Água Clara, ele teria escondido a arma em uma churrasqueira, dentro do salão. "A pistola de calibre 9 milímetros foi encontrada com 14 munições", revelou o policial.

O cabeleireiro foi preso em flagrante e não terá direito a fiança. Além do crime, responderá por contrabando, devido às munições serem importadas. "A pistola automática é de fabricação brasileira e está com a numeração raspada. O caso vai para a justiça federal. Ainda estamos levantando dados para confirmar a autoria e o homicídio que ele assumiu", finalizou.

 
comments powered by Disqus